Seguidores

domingo, 4 de maio de 2014

A CANTADA E A PICADURA

A CANTADA E A PICADURA
*
A noite estava tão fria
Cedinho fui me deitar
Liguei a televisão
Antes do sono chegar
De cama sempre fui boa
Deito e durmo à toa
Não posso nem me queixar.
*
Deixei a janela aberta
Suave brisa a entrar
Era um convite ao sono
Chegava a me embalar
Eu já estava cochilando
E dei com você zanzando
Doidinho pra me pegar.
*
Joguei o lençol nas coxas
Tentei cobrir o restante
Porém você me rondava
Com seu cantar irritante
Eu quase fui a loucura
Ao sentir a picadura
No seu vai e vem constante.
*
No auge do sofrimento
Não pude conter o grito
Dei um tapa e no segundo
Eu acertei o mosquito
Que todo ensanguentado
Estrebuchava a meu lado
Eu me vinguei do maldito!
*
Versos e foto de Dalinha Catunda

7 comentários:

✿ chica disse...

Tu és demais,Dalinha! rs Adorei!! Sempre te leio, nem sempre comento, mas hoje tive que fazê-lo,rs Linda semana,beijos,chica

Anônimo disse...

Dalinha, Dalinha... cuidado que estamos vivendo tempos de censura branca. Não podemos ficar sem esse blog. Essa combinação de cantada e picadura pode ser fatal. Parabéns pelo humor inteligente.

Eduardo

Dalinha Catunda disse...

Chica querida,
Estou numa maratona e assim sendo, fico em falta com os amigos. Mas já arrumei um tempinho para atualizar os blogs. Ainda estou devendo as visitas. Obrigada pelo carinho. Bjs.

Dalinha Catunda disse...

Eduardo,
Obrigada pela presença e pelo comentário.Gosto deste tipo de escrita, picante, engraçada sem ser grotesca e tendo amigos para prestigiar, aí é que não paro. Meu abraço.

Fred Monteiro da Cruz disse...

Muito bom, Dalinha... Você tem o humor de uma adolescente, sem a maldade de uma adulta. O difícil, neste terreno pantonoso que limita a picardia e a mera pornografia é ter o timing para entrar no assunto sem se valer da vulgaridade. Em resumo: você é engraçada por natureza, mesmo! Parabéns, minha amiga!

Fred Monteiro da Cruz disse...

Amiga e parceira, com muito orgulho de minha parte.

Dalinha Catunda disse...

Obrigada, Fred,
É bom ter amigos e parceiros como você. Bonito comentário.
Meu abraço.