Seguidores

quarta-feira, 29 de julho de 2009

PAU-D'ARCO EM FLOR


Foto:bibvirt.futuro.usp.br/var/bibvirt/storage...

PAU-D’ARCO EM FLOR

Ao voltar a minha terra,
Foi grande a satisfação.
O pau d’arco roxo estava
Em época de floração
Enfeitando as estradas
Do meu agreste sertão.

Salpicadinho de flores
Também estava o chão,
Até parecia um tapete
Daqueles tecidos a mão.
Só vendo quanta beleza
Em meu agreste sertão.

Ao ver o pau d’arco florido
Fez festa o meu coração.
Vendo paisagem tão bela,
Eu tive a certeza então,
Que mesmo sendo tão seco
Viceja meu agreste sertão.

O pau d’arco é conhecido
Como Ipê em outros chãos.
Contudo prefiro muito mais
A nossa típica denominação,
Para esta árvore que ornamenta,
Colorindo meu agreste sertão.

6 comentários:

Tais Luso de Carvalho disse...

É verdade, em frente à minha janela há muitos Ipês - moro defronte de um parque cheio de árvores floridas -, e aqui se chama assim. Agora vou lembrar de ti, quando ele estiver florido, como está agora.

Beijão
tais

Vieira Calado disse...

Sei que, aqui, é utilizado com infusão.

Mas nada sabia da árvore
nem da espectacular floração.

Bjs

Helinha disse...

Ah, que coisa linda...

Aqui em BH, a cidade fica lindíssima (belíssimo horizonte mesmo!!) quando os ipês florescem!!

Em frente a minha casa e em frente a escola em que trabalho tem ipês amarelos maravilhosos!! Não me canso de contemplá-los!!

Lindo texto, menina poeta e cordelista de primeira!!

^^

Beijo grande!!

rouxinol de Bernardim disse...

Enfim, um magnífico hino à Natureza em flor!

Gostei.

Bom fim de semanana.

Maria Emília disse...

Belissimo, Dalinha. Penso que aqui em Portugal não há essa árvore. Contudo conheço o seu uso como planta medicinal de grandes propiedades.
Um beijinho,
Maria Emília

João Alberto disse...

Olá Dalinha,
Bela homenagem. O Pau d'arco é uma arvore lindíssima na época da floração. Aqui no sertão piauiense encontramos tres espécies: o amarelo, o rôxo e o branco, que enfeitam e nos presenteiam com belas paisagens ás margens das rodovias, parques e florestas.
Abraços.