Seguidores

terça-feira, 20 de setembro de 2011

CHORO DOBRADO


CHORO DOBRADO
*
Foi antes da primavera
Que ele partiu pro além,
Nos braços de um violão
Que ele tocava tão bem.
O choro que era tocado
Agora é choro chorado
Que junto às lágrimas vem.
*
Foi nas terras de Iracema
Que nasceu nosso Alencar
Com as suas sete cordas
Nos encantou ao tocar.
Nesta tocante saudade
A tal dor dói de verdade
E o choro não vai parar.
*
Onde existir um bom grupo
Dedilhando um violão                                
Lá no planalto central,
Ou quebradas do sertão,
Alguém vai se lembrar
Das sete cordas a tocar
Do alencarino chorão.
*
Alencar estudou em Ipueiras, tinha familiares por lá e fez muitos amigos.
Jovem, tocando em bailes, era admirado por todos.
A familia enlutada meus sentimentos.
*
 Texto de Dalinha Catunda
Foto de Edson Morais

Um comentário:

✿ chica disse...

Tu és sempre maravilhosa ,em qualquer tema>beijos,lindo dia,chica