Seguidores

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Homenagem a Teresa Mourão


Foto: Dalinha Catunda e Teresa Mourão
Tereza Mourão
Filha de Ipueiras, mensageira da paz, dedicada aos amigos, assim é Tereza Mourão.
Muito cedo saiu de Ipueiras, indo morar em Fortaleza.
Como ave que perde seu ninho, por ter perdido seus pais, voou para terras distante, a procura de outros horizontes, deixando seu Ceará.
Novos ninhos construiu, e formou sua família. Os casamentos se foram, porém não ficou vazia, dois filhos bem desejados, Inácio Emiliano Melo Mourão Pinto, o mais velho, e Francisco Delano Melo Mourão, o caçula, preenchem e encantam sua vida.
Distante de Ipueiras ela levanta a bandeira de sua terra natal. É uma notável divulgadora, dos valores de sua terra e sempre que possível visita seu rincão. Pois lá mora um passado feliz, onde as lembranças da infância e juventude reclamam sua visita.
Para Tereza visitar lugares e parentes, não é matar saudades, é simplesmente desenterrar alegrias e não perder o vínculo com novas gerações.
Adepta do espiritismo, dona de uma luz singular, uma paz maior nos transmite. Sempre aponta caminhos, sem pretensão de apontar verdades, deixando apenas suas
palavras fluírem sem a intenção de incuti-las a todo custo.
Hoje dia 12 de dezembro, essa querida amiga,educada, meiga, inteligente, dona de um par de olhos azuis que jamais ficaram cinzentos com as mazelas da vida, Completa mais um ano de vida para felicidade dos que convivem com ela.
A Tereza Mourão, ou Terezinha do seu Tim, meus mais sinceros parabéns. Que a paz, a saúde e a felicidade sejam presente divino a ela concedido por Deus Nosso Senhor.

8 comentários:

Joaquim Adonias disse...

Parabéns a Dalinha pela bonita homenagem prestada à nossa amiga Teresa. Sem querer dimunir o brilho das suas palavras, concordo que a Tereza é merecedora dos elogios.
Grande abraço.

Jean Kleber Mattos disse...

Maravilha, Dalinha. E assim, homenageamos a nossa amiga, que bem merece. Valeu!

Lurdinha disse...

Teresa Mourão é uma pessoa excepcional, um grande ser humano, parabenizo a você Dalinha pelo trabalho, mais que merecido. Parabéns Teresa, muitos anos de vida repletos de alegria.

Tereza Mourão disse...

Dalinha, minha querida amiga que tanto admiro e de uma inteligência fantástica e brilhante, nem tenho palavras para agradecer esta linda crônica que fez a meu respeito. Também este agradecimento é extensivo a meu amigo e brilhante prof. Jean Kleber Mattos que também eu seu blog http://www.suaveolens.blogspot.com/postou a crônica de Dalinha, e Joaquim Adonias e Lourdinha muito obrigada também pelas palavras, e se Deus me permitir sempre que possivel estarei em nossa terrinha que é tudo de bom e sempre será. Feliz Natal e Feliz Ano Novo a todos que por aqui passarem. Teresinha (a do seu Tim)

Ana Morena disse...

Teresa Mourão é uma jóia de pessoa,mereçe muita luz e paz, muitos anos de vida no eterno caminho que nós almas em evolução percorremos ela deixa seu rastro como diamantes sobre a terra.Feliz aniversário querida.

Francisco disse...

Maravilha o aniversário da mãe. O tempo segue fazendo um bem a si: cada dia dá mais luz a quem ao próprio tempo ilumina com alegrias, idéias e ganas (novas) sem fim. Desperta em volta o melhor de outros. Desperta em mim alegria e curiosidade sobre a versão dos futuros feitos.

Belo, Dalinha; bonita amizade. A mim dá orgulho.
366 parabéns, mãe. só pra garantir..

Mirian coruja do portal disse...

É uma pena que não possuo o dom de escrever coisas lindas como sua amiga, mas nós (corujas) parece que temos uma sintonia que nos une sem nos conhecermos carnalmente, pois espiritualmente quem sabe?
Não sei dizer coisas lindas,mas li em algum lugar :"Deixe velhos amigos saberem que você nunca os esqueceu, e fale para os novos que você nunca irá esquece-los".
Beijos e que esse mais um ano de vida que começou no dia 12 seja repleto de amor,saúde e novos amigos.

Anônimo disse...

Tereza da perna teza, como gostava eu de chamá-la no início do nosso relacionamento nos idos de 2001/2002.
É uma mulher com idéias "aprumadas", que sabe o que quer e aonde deseja chegar.
Justa a homenagem pelo seu aniversário em dezembro passado.
Beijos, Tereza.
Bosco Neves