Seguidores

terça-feira, 22 de setembro de 2009

PRIMAVERA E SONHOS


Foto e poema de Dalinha Catunda

PRIMAVERA E SONHOS

Começo de primavera
Um vento começa a bater,
Levemente em meu corpo,
E eu penso logo em você.

É o recomeço dos sonhos,
Que não devem se perder,
Nas amarras que existem,
Entre o meu e o seu querer.

Vejo esperança brotando,
Feito botão de uma flor.
Sinto o futuro querendo,
O que o passado negou.

12 comentários:

Valter Montani disse...

Dalinha

Quantos sentimentos
trafegam através dos ventos
e levam aos quatro cantos
alegrias, recordações, encantos.

Mas quando o sentimento forte
no peito já não cabe mais
ele explode de tal forma
que surgem grandes vendavais.

bjs e bom dia

Chica disse...

Lindo poema e foto.Também me sinto muito bem na primavera, parece que é mais colorida...beijos,tudo de bom,chica

Ana Paula Marinho disse...

Ahh como sou nascida na primavera, sou suspeita em dizer que é a estação mais linda do ano! rsrs.
Pois bem, adorei o poema. Na primavera até o sol fica mais lindo...
Beijus

Vieira Calado disse...

Como sabe...

por aqui

começou o Outono.

O que começa aí

acaba por cá...

Bjs

São disse...

Formoso poema com bonita foto que me alegrou neste meu aniversário: obrigada!

Um grande abraço por sobre o oceano.

SAM disse...

Lindo, lindo! A primavera é mágica, Dalinha. Quando chega, traz perfume e cor. "...É a esperança brotando,
Feito o botão de uma flor."


Beijos e meu carinho, Dalinha!

Maria Emília disse...

è mesmo verdade. A Primavera poderia chamar-se de Esperança.
Um beijinho,
Maria Emília

Nelcima De Morais disse...

Suas poesias são fascinantes! São recheios para os nossos corações. Eles ficam embriagados por tanta melodia. Parabéns, amiga!

Tais Luso de Carvalho disse...

Primavera... pra mim a estação mais linda: nem tanto lá; nem tanto cá. Na medida. É o equilíbrio. Por isso tantos blogs saudando essa estação. Lindo, Dalinha.

Beijos
tais luso

Coisinhas Daqui e Dali. disse...

Tambem saudo a Primavera Dalinha....
Seu poema cade bem com o tema...lindo!
Beijos, Márcia.

Oliver Pickwick disse...

Primavera, a preferida dos poetas. Ou é o contrário? Mas a poesia e bonita e primaveril em qualquer das hipóteses.
Um beijo!

Bérgson Frota disse...

A esperança nos traz tudo, em qualquer circunstância, salve a primavera e ao belo poema.