Seguidores

quinta-feira, 1 de abril de 2010

A MENTIRA


A MENTIRA

Quem traz a verdade plena
Registrada em sua vida?
Se o que hoje é verdade
Amanhã será mentira.

Quem diz que nunca mentiu,
Eu digo que é pura mentira!
Até para praticar o bem
Pregamos boas mentiras.

A mentira não é a vilã
Que muita gente apregoa.
Muitas vezes nos faz feliz,
Nem sempre ela magoa.

A verdade é uma mentira
Pois perde sua validade.
A mentira certamente
É a mais pura verdade.

Texto:Dalinha Catunda
Imagem: Internet

13 comentários:

Ana Paula Marinho disse...

Belo texto sobre a Mentira, vale a pena ressaltar, que a verdade machuca muito mais as pessoas do que a mentira. Porque quando se mente para fazer alguém feliz e depois conte-se a verdade, ela dói muito mais.
Dalinha, minhas amigas da faculdade fizeram o meu Lalinha virar Dalinha, agora além do gosto pela poesia que temos igual, temos também o apelido hahahaha. Com muita honra... rs.
Gostei demais da poesia. Grande beijo e até mais.

... Airton Soares - "AS"? disse...

A MENTIRA

“Quem traz a verdade plena
Registrada em sua vida?
Se o que hoje é verdade
Amanhã será mentira.”

Pois é amiga... a sua mentira-verdade (nas entrelinhas) é pura filosofia...e filosofia puxa filosofia.

Duas lembranças:

"Não há fatos, apenas interpretações" Esta frase é de Nietzsche. Ele foi bem no “12”!


Barris Steven, em seu livro Não apresse o rio, ele corre sozinho, tem uma passagem assim: Fantasia, diz o homem que lê fatos ao homem que lê ficção, desconhecendo que os fatos são fantasias e, mesmo que não o fossem na hora em que são escritos, passam a ser na hora em que são lidos´.

Daí em toda verdade plena se esconde uma plena mentira.

Bjs

Úrsula Avner disse...

Oi Dalinha, interessante tema versejado com leveza e ritmo. Um mimo de poema ! Obrigada pelo carinho de sempre. Bj,

Úrsula

Ricardo Aragão disse...

Pura Verdade!


"A mentira certamente
É a mais pura verdade"
Você tem que acreditar
Não há mal sem a maldade
Nem bondade sem o bem
Por isso repito também
É a mais pura verdade!


Ricardo Aragão
Ipu(CE)

CESAR CRUZ disse...

Ah, perfeito! Transformaste em verdade uma grande mentira: a mentira que contam de que alguns não mentem. Mentira pura! Mentir é humano!

Belo poema!!

bjs
Cesar

Ana Maria disse...

A mentira é cruel. Mas quem nunca mentiu pelo menos um pouquinho? RSRS!!!
Amiga, desejo para vc e sua família uma Páscoa colorida, doce e muito feliz, que Jesus esteja sempre adoçando seus caminhos.
Beijinhos!

Victor Gil disse...

Querida amiga Dalinha.
Passei para ler a tua mentira, e ao mesmo tempo para dizer de verdade que te desejo uma Páscoa muito boa.
Beijos amiga
Victor Gil

Marlon/Leane disse...

Jesus. A verdade.

Rosário Pinto disse...

Mulher!!! você encarnou o santo versejador, PARABÉNS!!!!

Dalinha, a sua mentiu,
É a mais pura verdade
A beleza de seus versos
Só nos mostra qualidade
Se for mentira o que digo,
Desafio nossa irmandade

Teresa Cristina flordecaju disse...

Eita, menina! Que grande verdade! Lembrei meu tempo de escola e das mentirinhas que pregávamos na professora!.. Rsrs... doces tempos!... Um belo domingo de Páscoa!... Cheiro.

João Alberto disse...

Olá Dalinha,
Excelente relato sobre a mentira. Dizem que a mentira tem perna curta, língua presa, barba branca e um dedo a menos, mas às vezes realmente somos obrigados a mentir para não machucar, ou mentir para confortar, etc.
Grande abraço.

Valter Montani disse...

A vida é uma caminhada
entre verdades mentirosas
e mentiras verdadeiras.
se perdermos tempo tentado
em vão descobrir o verdadeiro
seremos escravos da incerteza

bjs e boa semana Dalinha

Tais Luso disse...

Oi, Dalinha: Muitas vezes não contamos uma verdade: isso é omitir. E às vezes é preciso, até por generosidade. Mentir se for para o bem de alguém, é válido.
Mas aquela mentira sórdida, aquela pra derrubar, cuja intenção vem seguida de sentimentos de inveja e despeito chega a ser uma doença. Odiosa.

Grande beijo.
Tais luso